Novidades

SIFU | Review

Sifu Review Nerdview

 Desenvolvido pela Sloclap, Sifu é um beat 'em up de ação em terceira pessoa com intenso combate corpo a corpo, que coloca você no controle de um jovem aprendiz de Kung Fu a caminho da vingança. Testamos a versão para PC do jogo, que também está disponível para PS4 e PS5.

Sifu traz uma mecânica bastante divertida, que obriga o jogador a evitar ao máximo as mortes durante a jogatina, uma vez que isso influencia diretamente no desenrolar do jogo.

Na trama do game, seu personagem busca vingança, pois quando criança, presenciou a morte do pai pelas mãos de um antigo aprendiz. Ele era um Sifu, termo que designa um mestrê do Kung Fu. Para isso, o jogador precisará galgar por toda a linha de comando da organização criminosa que seu grande inimigo comanda.

Trazendo aquele forte sentimento de nostalgia, tanto por se tratar de um beat 'em up, gênero que foi perdendo espaço ao longo dos anos, quanto por também trazer a memória de filmes de Bruce Lee, Jackie Chan, Jet Li e até mesmo Van Damme, Sifu irá alegrar bastante a turma que cresceu nos anos de 1980 e 1990, mas tem bastante potencial para trazer novos jogadores para esse estilo de game e cinema.

A jogabilidade de Sifu é bastante intuitiva, podendo o jogador desferir uma boa variedade de golpes com as "mãos limpas" e também coletando itens e armas no cenário. Apesar de muito divertido, a curva de aprendizado do jogo pode ser frustrante em alguns momentos. Em Sifu, não somente o jogador pode variar diversas formas de lutar de seu personagem, mas há um grande leque de inimigos e formas de luta. 

Basicamente, você irá ter que derrotar vários inimigos ao longo das fases até chegar ao "chefão". Ao todo, Sifu conta com 5 grandes fases, cada um com seu chefe final.

O jogador só conseguirá dominar o jogo na base de muita tentativa, erro e inúmeras mortes. É aí que entra o sistema de "vidas" de Sifu. O personagem irá iniciar com 20 anos de idade e um contador de mortes, que vai aumentando a cada morte, mas também pode diminuir na medida que se derrotam adversários mais poderosos. A cada nova morte, o número desse contador irá aumentar, obviamente, na sua primeira morte, o personagem ganhará mais 1 ano, na segunda 2 anos, e assim sucessivamente. O game over ocorrerá ao atingir 74 anos.

Esse aumento de idade traz consequências a jogabilidade, pois quando mais velho for, maior será o dano gerado pelo jogador, mas também menor será a vida de seu personagem.

A cada fase completada, o jogador irá começar a próxima com a idade que terminou a anterior. Mas há a possibilidade de melhorar esses números, pois a cada vez que o jogador repetir uma fase, a menor idade que ele terminar, será salva para as fases seguintes. Essa mecânica é muito importante para fechar o jogo com menos dificuldade, uma vez que o limite de 74 anos sempre existirá, o que força o jogador a repetir cada fase buscando morrer o menor número de vezes possível.

Sifu é um jogo extremamente bonito, com gráficos que não buscam o realismo, longe disso, mas trazem um nível de detalhes impressionante e ajuda demais na absorção do jogador.

Em resumo, Sifu é um ótimo e nostálgico game, com uma mecânica de luta que se destaca, devido a sua grande variedade de modos de jogar, mas que pode frustrar alguns jogadores. Quem está acostumado com jogos mais difíceis e está sempre a procura de um desafio, Sifu é a escolha certa!

Nota: 4,5/5



Trailer:


 

Continue ligado no Nerdview nas redes sociais, estamos no Facebook e Instagram.

2 comentários:

  1. Ótima review! Curto muito games beat 'em up, me lembrou o clássico Streets of Rage no qual sou fã. Sifu parece ter a mesma jogabilidade e dificuldafde e esse sistema da idade eu achei bastante interessante. Vou tentar jogar essa maravilha e parabéns pelo texto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode testar sim, vc vai se amarrar, um ótimo jogo e uma grata surpresa!

      Excluir